23.8.09

rio

o meu amor não tem garras
ele escorrega no que ama

Nenhum comentário:

Postar um comentário