Postagens

Mostrando postagens de Março, 2010

Pérolas do pensamento

"A praia é o ópio do povo" [Marx Surfista]

"Nada como uma prática após a outra" [Foucault, o prático]

TESES DA SEMANA - DOM 26-03

Arbitrárias como qualquer tese em última instância!

1. A revolução feminina foi uma revolução material. Mas revoluções materiais não se efetivam como revolução sem revoluções subjetivas. Não o sei o quanto Marx nos ajuda... A revolução feminina permitiu à mulher espaços importantes, mas essa mesma mulher não parece ter se emancipado emocionalmente, e continua dependente e aguardando o príncipe encantado (seja ele como for e o que for)
2. Olhe sempre para o céu!
3. Não é preciso fazer terapia reichana quando se anda de transporte coletivo.
4. O valor do carro de uma pessoa é inversamente proporcional a sua capacidade de entendimento da realidade social.
5. O mundo ainda não conheceu o pior dos fascismos, aquele que tem todos os rostos. Mas falta pouco. E depois de pedirem fervorosamente o fascismo sem saber, as pessoas gritarão por socorro.
6. O povo vive uma vida tão chata, cheia de regras morais, que qualquer situação excepcional vira motivo de celebração interior, até situações de v…

PAGU

Mexo, remexo na inquisição
Só quem já morreu na fogueira
Sabe o que é ser carvão...

Rotina

existe poesia na rotina? digam aí. eu só vejo poesia!

----

Toca o despertador. Acordo. Não entendo o que está acontecendo. Disparo o soneca do celular. Ontem dormi um pouco tarde. Foi inevitável. Senti o cheiro da pele e do cabelo, pé no pé, chuvinha lá fora, o calor do corpo dele do meu lado. Gozei e perdi o sono. Falamos da vida, tivemos idéias esquisitas, rimos muito disso. Ele dormiu, eu fiquei pensando em qualquer coisa, peguei um livro, Pessoa, Saramago, Tantra, Eram os Deuses Astronautas... tanto faz. Era um livro que eu gostava. Dormi. O soneca dispara a cada cinco minutos. Não consigo configurar pra dez. Levanto e vou fazer xixi. Vejo minhas olheiras no espelho. Vou ao quarto dar um beijo no rosto dele enquanto ainda dorme e fecho a porta. Nado, faço yoga. Volto. Fazemos café, vitamina com frutas, quinua, linhaça e leite de soja. A gente se beija, se abraça e come pão integral com manteiga. Vejo o que se passa na TV. Notícias de furacões, terremotos, maremotos, Mais Você, Bom…