Postagens

Mostrando postagens de Abril, 2018

Não analise, celebre: um papo sobre Osho, política, espiritualidade, sexo, amor e liberdade.

Após o lançamento do documentário Wild Wild Country, Osho virou um dos assuntos mais comentados entre os viciados em séries da Netflix. E também nas redes sociais. Só não foi mais por aqui porque o lançamento da série documental coincidiu, no Brasil, com o circo feito pelo STF e a mídia em torno da condenação e prisão do Lula. E enquanto eu assistia os capítulos, ia encontrando semelhanças entre as histórias, guardadas as devidas diferenças entre um e outro. Mas, ao meu ver e de outros tantos, Lula foi condenado de forma apressada e por motivos políticos. Pois ainda que haja crimes, as provas são insuficientes. O mesmo aconteceu com Osho. As questões realmente em jogo são de outra ordem. Mas não estou aqui para defender nem um nem outro como se fossem seres imaculados, pois ninguém é. Somos todos luz e sombras. E ainda que eu ache que Lula tenha sido condenado por razões eleitoreiras e considere o seu primeiro governo o melhor que o Brasil já teve, não vou defender que deveria ter si…